A notícia mais importante do dia, ilustrada para fazer "Cócegas no Raciocínio" e fomentar a indignação dos que são contra o PACOEPA - Pacto Corruptônico que Envergonha o País.
padrao-8

 

“Durante entrevista coletiva neste domingo, o presidente da República, Michel Temer (PMDB), o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB) e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM) reiteraram que NÃO SERÁ APROVADA A ANISTIA DO CAIXA DOIS..

295
Segundo Temer, há uma “unanimidade” entre os líderes do Executivo e do Legislativo sobre o tema. “É preciso ouvir a voz das ruas”, disse. O presidente garantiu que o governo está atento as manifestações de rua e “vai atendê-las”. (Diario do Poder).

 

296
“Mas Renan quer aprovar o projeto que institui o crime de responsabilidade contra os procuradores da Lava Jato. E pretende segurar no Senado a votação das Seis Medidas. Ele disse ao Estadão: “A pauta de votação do plenário já está definida até o fim deste ano e qualquer outro tema, leia-se medidas contra corrupção, terá que ser negociado com os líderes”. (O Antagonista).

 

297
“Depois de ter enviado a carta de demissão, Geddel já conversou duas vezes por telefone com Temer. Segundo o ex-ministro, o presidente queria saber sobre o funcionamento e encaminhamentos da pasta. “Disse que passaria tudo e que a estrutura da Secretaria de Governo já funciona por conta própria.” Geddel disse que continuaria a ajudar Temer no que fosse necessário, mesmo sem cargo, e que continuará na política.“(Gerson Camarotti).

 

298
“Temer disse que a sanção de uma lei que perdoe políticos e partidos que praticaram caixa 2 é “impossível” e que a divulgação do acordo “desestimula qualquer movimento para fazer essa matéria tramitar”. Para justificar o anúncio, o presidente disse que atendeu à “voz das ruas”. A interlocutores, Temer demonstrou estar animado com a expectativa de que a iniciativa possa reverter o cenário político negativo que ronda o governo. (POLÍTICA – ESTADÃO).

 

299
“O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), reafirmou hoje que qualquer emenda polêmica que for apresentada durante a votação do pacote das medidas de combate à corrução será submetida à votação nominal. Ele rechaçou a possibilidade de votação simbólica. “É isso que a sociedade exige e com razão” declarou. (Diario do Poder).

 

300
“Com interrogatório marcado para fevereiro de 2017, Lula pode pegar cabalísticos 13 anos de prisão caso seja condenado pelos crimes de obstrução à justiça e exploração de prestígio – um dos três processos a que responde. Para os promotores, Lula participou ativamente do plano de fuga do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró para o Paraguai a fim de evitar acordo de delação premiada no âmbito da Lava Jato.“ (Diario do Poder).

 

301
“De Temer, sobre o conturbado momento político: “instabilidades são passageiras e não podem ser levadas a sério.” E ainda acrescentou, com uma pitada de Dilmês: “Levadas a sério têm que ser as questões que levamos adiante nesse momento difícil.” As declarações foram dadas pelo presidente em um evento sobre as perspectivas do país, realizado em Brasília.“ (O Antagonista).
Para compartilhar no facebook, clique no primeiro quadro:

0 comments

Deixe uma resposta