A notícia mais importante do dia, ilustrada para fazer "Cócegas no Raciocínio" e fomentar a indignação dos que são contra o PACOEPA - Pacto Corruptônico que Envergonha o País.
padrao-8

 

Governo TEME hoje “que os protestos sirvam para puxar uma perigosa onda de mobilização pela saída do presidente Michel Temer, como aconteceu com Dilma Rousseff”. Fora Temer? SE ELE NÃO SEGURAR OS ALOPRADOS QUE SABOTAM A LAVA JATO, SIM! (O Antagonista).

316

 

317
“Em nota à imprensa, a presidência da Câmara dos Deputados (portanto, Rodrigo Maia) defendeu a votação do AI5 do crime organizado na madrugada de quarta para quinta. Segundo ele, “nada foi feito de maneira velada.” (O Antagonista).

 

318

“Muito já se especulou se Sergio Moro largaria a toga para virar político. Ele mesmo já refutou tal possibilidade. Seu sonho é virar desembargador.“ (Radar On-Line).

 

319
“Diz o comunicado da entidade, citado pelo Estadão: “Os procuradores estão na linha de frente das investigações desde abril de 2014. Lidando com um dos maiores escândalos de corrupção do mundo – o caso Petrobras – eles investigaram, processaram e obtiveram penas pesadas contra alguns dos mais poderosos membros da elite política e econômica do Brasil”. (O Antagonista).

 

320
“Renan Calheiros virou réu, acusado do crime de peculato no Supremo Tribunal Federal (STF). É notícia que não surpreende ninguém, considerando tanto o rico histórico do soba alagoano em investigações policiais como o fato de que o processo em questão tramita na Suprema Corte há inacreditáveis nove anos. Esta circunstância insólita, por sua vez, chama a atenção para outra aberração incrível que é a espantosa morosidade da Justiça brasileira, problema que, aliás, foi tratado, à margem do julgamento de quinta-feira passada, com zeloso espírito de corpo, por três ministros, entre eles a presidente da Corte, Cármen Lúcia.“ (Augusto Nunes).

 

321

“Financial Times, The Economist e The New York Times deram destaque para as recentes polêmicas que Temer tem enfrentado.“(Info Money).

 

322

Para compartilhar no facebook, clique no primeiro quadro:

0 comments

Deixe uma resposta