A notícia mais importante do dia, ilustrada para fazer "Cócegas no Raciocínio" e fomentar a indignação dos que são contra o PACOEPA - Pacto Corruptônico que Envergonha o País.
CAPA

“O presidente da República em exercício, Michel Temer, afirmou nesta quinta-feira (2) que em caso de novas revelações de envolvimento na Lava Jato ou denúncia de corrupção, ministro de seu governo deverá deixar o primeiro escalão..”


081
Fabiano Silveira, ex-ministro da Transparência, deixou o governo após vazamento de áudio no qual ele criticou a condução da Operação Lava Jato pela Procuradoria Geral da República (PGR). O ex-ministro do planejamento Romero Jucá saiu do governo após vazamento de conversa na qual ele diz que é preciso “pacto” para barrar a Lava Jato.” (Noticias ao Minuto – MSN).

 

082

“Em 2012, o declarante (Nestor Cerveró) foi chamado no gabinete de Renan Calheiros no Senado Federal. Na ocasião, Renan Calheiros reclamou da falta de repasse de propina por parte do declarante”, relatou Cerveró. “O declarante explicou que não estava arrecadando propina na BR Distribuidora; que então Renan Calheiros disse que a partir de então deixava de prestar apoio político ao declarante…” (Diario do Poder).

 

084

“A petição solicita que a PGR apure a denúncia de que Maranhão declarou à Justiça Eleitoral a venda de um imóvel, em São Luís, para pagar a campanha de 2010, mas a transação nunca teria sido efetivada, uma vez que o deputado ainda mora na casa.” (Diario do Poder).

 

085

“As gravações telefônicas da delação premiada do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado têm feito crescer na Procuradoria Geral da República a disposição para dar ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), tratamento semelhante ao que foi dado ao pressidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). “Não dá para usar dois pesos e duas medidas”, comentou um integrante da força-tarefa da Lava Jato. (Gerson Camarotti).

086

0 comments

Deixe uma resposta